O desabafo de uma habitante da Shondaland

shondaland

Eu terminei a mid-season de How To Get Away With Murder essa semana e senti que precisava fazer um desabafo.

Já faz alguns anos que eu sou residente da Shondaland. Comecei a ver Grey’s Anatomy em 2014, durante alguma gripe qualquer que pedia por uma distração audiovisual – ah, se eu soubesse onde estava me metendo.

Acontece que Grey’s é muito mais que uma série, é um estilo de vida (não é drama, apenas verdades). São tantas temporadas, tantas histórias, tantas emoções que você acaba se apegando àqueles personagens de uma maneira muito estranha.

Eu já vi a Meredith passar por tanta desgraça nessas 13 temporadas que às vezes tenho vontade de pegar um avião pra Seattle e dar um abraço nela e dizer que vai ficar tudo bem.

Sim, eu sei que ela não é real e que eles não gravam em Seattle. Vamos seguir em frente.

meredith grey

 

O segundo passo foi me jogar em HTGAWM. Lembro que vi a primeira temporada em um fim de semana, dois dias de puro sofrimento, morrendo, tendo surtos, gritando com a televisão, pois sou dessas que tem reações verbais a séries intensas.

Annalise Keating é uma mulher foda. É difícil achar outra palavra pra descrever aquela criatura maravilhosa. Assim como todas as mulheres da Shondaland né? Ela é poderosa, manda na coisa toda, resolve todas as tretas e queima sua alma com um mero olhar. E ao mesmo tempo ela é completamente louca. Não ia querer me meter com ela na vida real.

annelise keating

 

Minhas experiências acabaram por aí porque, pra ser sincera, eu tenho medo de começar a ver Scandal. Não sei se meu coração aguenta mais drama, mas ansiedade, mais mortes (as pessoas devem morrer em Scandal, né? Afinal estamos falando de Shonda Rhimes). Sei que é maravilhosa, que vale muito a pena. Pretende ver um dia. Mas agora acho que não estou pronta. Preciso me recuperar de todos esses outros sentimentos.

Só quem frequenta a Shondaland sabe do que eu estou falando. Não é para os fracos, meus amigos. Quem entra nesse universo aguenta qualquer coisa nessa vida, porque as coisas que a gente passa, meu amigo, não é de Deus.

Enfim, ainda estou abalada e queria compartilhar isso com alguém. Por favor, se você também vendeu a sua alma para a dona Rhimes, conversa comigo, Vamos nos apoiar, vencer essa fase juntos.

assinatura luisa dal mas

Luísa Dal Mas

Jornalista, criativa, estressada, meio louca e apaixonada por moda e história. Tentando colocar um pouco de pó mágico nas coisas do dia a dia.

1 Comment

  1. Responder

    Jade Cestari

    22 de novembro de 2016

    Oi Lu!
    Tive um ataque de nervos vendo a mid-season How To Get Away With Murder, sofri mas valeu a pena cada segundo. Amei. E aii, começa Scandal, sério, vale muito a pena! Olivia Pope é mega fodástica também, super ia querer ser amiga dela ( se ela existisse).
    Adorei o blog!

Deixe uma resposta